quinta-feira, 13 de junho de 2013

VI NA INTERNET - A selva do governador SP

  O bloguista  , responsável pela página Ultrapop/Yahoo , citou em seu comentário do dia 13/06 :
   "Qualquer discussão sobre cultura é vã numa cidade cujo verdadeiro dono é uma polícia militar. Essa cidade é São Paulo. Aqui, a questão real que se põe há anos é só uma: o direito à cidade como espaço de fruição e convívio está suspenso e bloqueado por um regime policial de abusos. Olhe ao redor".

"Quem procura protestar (exatamente contra essa desumanidade que nos tem sido imposta) é recebido por sua própria polícia na base da cacetada e da bala de borracha. As forças da ordem policial defendem aí a manutenção do processo corrosivo corroendo ainda mais o esgarçado convívio. E o restante da população, cuja lucidez está moída, bate palma. É uma cidade de masoquistas".

Grifos do Blog

    Quer dizer que uma massa de pessoas, enlouquecidas, quebrando tudo, inclusive bens públicos, não precisam ser impedidos? A polícia tem que assistir a tudo isso de braço cruzados?

    É por este tipo de mentalidade e opinião, que temos hoje esse caos na segurança pública. Ao ponto de presos terem mais autoridade que o diretor de um presídio ou que um juiz de direito.  

   É por isso que "autoridades defensoras dos direitos humanos" se espremem em defender aqueles que não se preocupam com os direitos dos outros.

    Se é para assistir a tudo isso sentado, prefiro sentar e assistir o Estado, através de sua polícia tentar colocar ordem no caos, e preservar o que é nosso. Protesto sim, vandalismo nunca.


      

Nenhum comentário:

Postar um comentário